Tratamento para Transtorno de Personalidade: Personalidade Histriônica – Pessoa que gosta de chamar sempre a atenção

A pessoa que desenvolve o transtorno de personalidade histriônico tem como característica uma padrão de excessiva emotividade e busca de atenção.

Veja sobre personalidade esquizóide

Veja sobre transtornos de personalidade paranóide

Veja sobre testes de personalidade

Veja sobre testes psicológicos

Veja sobre teste de personalidade narcísica

Veja sobre teste para transtornos de ansiedade 

 

Esse transtorno inicia na idade adulta a apresenta uma variedade de contextos e para seu diagnóstico deve enquadrar em pelo menos cinco dos critérios abaixo:

·         Se sentir desconfortável em situações em que não é o centro das atenções

·         A interação com os outros é muitas vezes caracterizada por um comportamento inadequado sexualmente mostrando-se sedutor ou com comportamento provocativo

·         Exibe rapidamente emoções distintas alternando entre elas.

·         Usa consistentemente a aparência física para chamar a atenção para si

·         Tem um estilo de discurso que é excessivamente impressionista e carente de detalhes

·         Mostra auto-dramatização, teatralidade, exageradas na expressão das emoções

·         É sugestionável, ou seja, é facilmente influenciado por outros, ou por circunstâncias

·         Considera suas relações como mais íntimas do que realmente elas são

 

Tratamento para Transtorno de Personalidade Histriônica

 

A Psicoterapia em diferentes abordagens pode ser uma forma eficaz de tratamento

Os indivíduos que sofrem deste transtorno são normalmente difíceis de tratar por uma multiplicidade de razões.

 

Como na maioria dos transtornos de personalidade, as pessoas somente se apresentam para o tratamento quando o estresse ou algum outro fator situacional dentro de suas vidas tornou impossível sua capacidade de funcionar e enfrentar a situação.

 

No entanto, em comparação com pessoas que sofrem de outro tipo de transtorno de personalidade, muito mais rápidos a procurarem tratamento e exagerarem os seus sintomas e as dificuldades de funcionamento.

 

Como característica das pessoas com transtorno de personalidade histriônica, tende a ser mais emocionalmente carentes e são muitas vezes relutantes em anunciar a terapia.

A psicoterapia de Grupo e terapia familiar geralmente não são recomendados, pois a pessoa que sofre com esse transtorno muitas vezes chama a atenção para si e exagera a cada ação e reação.

 

As pessoas com transtorno de personalidade histriônica muitas vezes expressam todos os sentimentos com a mesma profundidade de emoção, desconhecendo as sutilezas dos seus próprios estados emocionais e da vasta gama disponível para eles.

A terapêutica deve ser favorável e o bom relacionamento será geralmente facilmente estabelecido com o paciente desde o início.

 

O terapeuta muitas vezes é colocado no papel de salvador e pode ser constantemente solicitado para resolver e solucionar os problemas diários do paciente.

 

Todo problema é normalmente expresso em um tom dramático e necessitado de ajuda pelo exagero pontuado pelo paciente.

 

Muitas vezes o terapeuta será percebido como sexualmente atraente para o paciente, ou será assediado pelo paciente para buscar a atenção e ter a terapia focada em suas habilidades de conquistas.

 

O terapeuta pode utilizar de técnicas que permitam o paciente confrontar com sua realidade, obter por ensaios comportamentais a estimulação da assertividade e focar os problemas de forma individualizada para encontrar soluções aceitáveis, fazendo com que o cliente tenha maior previsibilidade e consiga desenvolver sua capacidade de solução de problemas em sua autogestão.

 

Veja mais sobre tratamento para transtorno de personalidade, tratamento para transtorno borderline, tratamento para transtorno de personalidade histriônica, tratamento para transtorno obsessivo compulsivo, teste de personalidade, testes psicológicos diversos, acesse estas categorias no site ou clique nos links desta página.

  1. 30 Responses to “Tratamento para Transtorno de Personalidade: Personalidade Histriônica – Pessoa que gosta de chamar sempre a atenção”

  2. Minha esposa sofre de transtorno de personalidade histriônico, como devo fazer para ter esperança com ela, ela esta com muito remedio e vive enternada, ela se corta, e tem 38 anos. temos 4 filhos (casal de Gemoes de 17 anos uma de 13 e um de 9 anos) por favor me ajudem estou sem saber o que fazer ou seja desesperado.
    meu celular (21) 7847-4148 – Tarcio

    By Tarcio Novanta on Jan 10, 2011

  3. Bah, terrivel isso msm…tive que conviver com minha mae 27 anos, pois qualquer tentiva de sair e ateh de arrumar emprego falhava por causa dela. Conseguiu ateh desempregar meu pai.
    mas td isso com muita ardilosidade e total ignorancia da sua condicao…ela mentiu tanto pra si msm q agora eh de fato somente uma projecao fajuta de um ser-humano.
    Mas, ainda assim soh o q eu sinto eh pena.
    Se ela naum procurar ajuda e se ajudar eh melhor ir embora. Pela felicidade dos teus filhos!!!!!!!!!!!

    By Kaka on Jan 27, 2011

  4. Sofro com este transtorno e tenho sintomas de quase todos subtipos…

    Preciso de uma orientação, ja passei por diversos especialistas mas desistir por não achar que estava surtindo efeito e para piorar sofro de TDAH. Não concigo conviver com minha família brincar com meus filhos nada, e sinto que pioro a cada dia.

    Preciso de concelho…
    Preciso de Ajuda.

    By Antonio Rodrigo on Feb 9, 2011

  5. Tarcio Novanta e Antonio Rodrigo nascemos com uma única personalidade, mais esta mesma personalidade pode ser perturbada, alterada e, até modificada por tempo indeterminado por falta de virgilia e, alguns devidos cuidados, portanto sugiro que ambos passe por um tratamento espiritual, em um centro sério em sua cidade, ok!!! abrs…

    By Gil on Feb 14, 2011

  6. Minha mulher tem disturbio da personalidade tenho 3 filhos com ela. É uma luta, ela afirma que o problema sou eu sempre,já machucou muito os filhos, torturas psicologicas é rotina. já tentou se mata,brigou com mãe, briga com as irmas que também é visivel que são doentes, pai louco, batia em todos dentro de casa… hoje fala do pai como se fosse um rei.Estou por um fio da separacão. Gosto muito dela só que não aguento.

    By André on Mar 11, 2011

  7. Andre, que loucura mesma coisa aqui, a historia e bem parecida, e uma constante luta minha vida com ela, o histrionico precisa parecer entao vc e sugado ate o limite o tempo todo, nao importa o que diga ou faca e um inferno conviver com um histrionico.

    By Giuliano on Mar 12, 2011

  8. Giu, Como posso saber se possuo TPH?Ao ler na net percebi que possui e possuo atualmente vários desses sintomas, mas não estou certo, uns dos mais Constantes é o começa/pára. Perdi o´timas oportunidades de emprego por isto, e agora, se não fosse um favor, não estaria trabalhando de novo no mesmo lugar de onde fui, recentemente, mandado embora. Outro ponto forte que percebo em mim é a mudança drastica de idéia: em 2008 sai da igreja evangélica e fui para a Sahaja yoga, depois em novembro de 2008, voltei pra igreja, ai depois sai de novo, fui para outra igreja… Fora os projetos que começoe não termino.. e promessas que faço e não cumpro?!Alguns dos itens desapareceu, como tratar pessoas que conheci como Intimos demais, ficar aborrecido e até agressivo se não era o centro das atenções… Bem é melhor eu perguntar como conseguir tratamento urgente no SUS…

    By Marcos Paulo on Mar 17, 2011

  9. Bom Dia, tenho 32 anos e um filho de 04 anos… moro com meus pais e tenho o meu trabalho… sofro de transtorno bipolar e por estar prejudicando a vida principalmente do meu filho resolvi por curar ajuda novamente…
    quais sao os remédios mais eficases hj… qual o melhor tratamento que poderia ter melhor resultado? Pq alem de td ainda tenho um namorado que vem sofrendo mto comigo… até agredir ele fisicamente eu ja fiz… não qro isso mais nem para mim, nem para meu filho e familiares e nem para a pessoa q esta comigo!
    preciso de ajuda…
    Att

    By Carolina on Mar 21, 2011

  10. TENHO ESTE TIPO DE PERSONALIDADE ASSOCIADA
    A UM TRANSTORNO BIPOLAR,MAS, NÃO TENHO ESSE MONSTRO QUE AS PESSOAS QUE CONVIVEM OU SÃO PORTADORAS. TEMOS QUE TER TERAPIA ISSO É ESSENCIAL MAIS PRECISAMOS PRIMEIRAMENTE ACEITAR O QUE TEMOS E LUTAR INTERIORMENTE NOS P CONTROLANDO, SOMOS CAPAZES É SÓ ACEITAR E PROCURAR AJUDA. DOI QUANDO NOS CHAMAM DE LOUCOS OU QUE TEMOS UM MONSTRO PRESO DENTRO DE NÓS E ELE PODE SE MANIFESTAR A QUALQUER MOMENTO.ISTO PREJUDICA QUALQUER PESSOA E O NOME DE DOIDOS, DIMINUEM MAIS AINDA NOSSA AUTO-ESTIMA.

    By GISA on Mar 31, 2011

  11. A TODOS QUE LEREM MINHA OPINIÃO ANALISEM CUIDADOSAMENTE QUEM NOS FAZ COITADINHOS, PIOR DE TODOS SOMOS NÓS.A LUTA COMEÇA DENTRO DE NÓS. SE AJUDE LUTE VOCE É CAPAZ TENHO CID F41,33.1,60.4 E A30, 16 E 45. VOU LUTAR SEMPRE LUTAREI NÃO BUSQUE AO SEU REDOR VOCE NÃO É COITADINHO É CAPAZ E SE ESCONDE PARA NINGUEM VER QUE VC CRESCEU E SABE LUTAR, SEMPRE UM NOVO DIA, LUTAR E LUTAR.MEU E-MAIL É

    By GISA on Mar 31, 2011

  12. A TODOS QUE LEREM MINHA OPINIÃO ANALISEM CUIDADOSAMENTE QUEM NOS FAZ COITADINHOS, PIOR DE TODOS SOMOS NÓS.A LUTA COMEÇA DENTRO DE NÓS. SE AJUDE LUTE VOCE É CAPAZ TENHO CID F41,33.1,60.4 E A30, 16 E 45. VOU LUTAR SEMPRE LUTAREI NÃO BUSQUE AO SEU REDOR VOCE NÃO É COITADINHO É CAPAZ E SE ESCONDE PARA NINGUEM VER QUE VC CRESCEU E SABE LUTAR, SEMPRE UM NOVO DIA, LUTAR E LUTAR.MEU E-MAIL É GISELMA.SOUZA@OI.COM.BR. ESTOU ABERTA AO DIALOGO. SEJAMOS FELIZES.

    By GISA on Mar 31, 2011

  13. Oi tenho 39 anos, mae de 4 filhos (20, 15, 10 e 1 aninho) descobri ano passado que tenho transtorno da personalidade, tomo medicamentos, mas o mais eficaz são meus esforços pra melhorar, deixando claro que a cada esforço é uma dor enorme de achar que estou sozinha, lutando solitariamente, não aceito trabalhar fora, não convivo bem com família e pessoas em geral, seduzo para conquistar, na verdade sofro demais, meu marido tenta entender mas é complicado, está perdendo a paciencia, o amo demais e creio que estou perto de perde-lo.

    By Nelu on Apr 18, 2011

  14. Olá.
    Minha mãe tem transtorno de personalidade. Somos em 3 filhos, eu sou a mais nova e única mulher. Meus irmãos estão casados e morando fora. Meus pais não são separados mas confesso que não sei como meu pai ainda continua com ela. É muito sofrimento, a família está totalmente desestruturada. Eu mesmo já saí de casa 3 vezes porque hoje eu sou a única a quem ela pode agredir. Ela já se agrediu, já agrediu meu pai, já ameaçou se matar (chegou a pegar uma faca) quando meu pai saiu de casa, bateu em uma amiga minha (dizendo que ela havia se insinuado pro meu pai, todos viram que isso não aconteceu), me humilha na frente de todos, humilha meu pai, minha sobrinha que hoje mora conosco e só tem 10 anos. Chega a ser vulgar pra chamar atenção, grita, é super compulsiva, compra tudo que vê na frente e sempre que bebe grita, briga, agride todos (hoje não só quando bebe, mas com o alcool é muito pior) Eu não sei mais o que fazer, ela não aceita tratamento e todos os dias é a mesma coisa. Eu confesso que sinto nojo as vezes da minha própria mãe, sinto vergonha disso. Tento me livrar de sair com ela e hoje até de trazer amigos em casa. Estamos todos desesperados e sem saber o que fazer.

    By Tamara on May 13, 2011

  15. por favor me ajudem transtornos de personalidade paranoide tem cura ele esta fazendo tratamento e esta tomando risperidona 2,00mg preciso saber a verdade isto tem cura

    By ana on May 26, 2011

  16. qual o primeiro passo a ser tomado? Sou muito nova não sei como proceder diante dessa situação.

    By Josy on Aug 19, 2011

  17. Sofro de transtornos de personalidade desde os 14 anos, comecei com Sindrome do Pânico, há 8 anos fui diagnosticada com histriônica pela minha terapeuta e borderline pelos médicos psiquiátricas. Não quero mais ser assim, me esforço muito, e minha terapeuta diz que sou muito determinada, mas não consigo, sempre tenho as minhas crises, choro, fico magoada, angustiada, e sinto que o que dizem do histrionico é que é um SER que gosta de aparecer e chamar atenção. Mas juro, eu sou emotiva e extramamente sensível, mas não faço para chamar a atenção de ninguem, é porque fico mal mesmo. Sabe, não é exagero, mas já lutei tanto contra esta doença que estou cansada, minha família não entende, só critica, tenho vontade de sumir para não incomodar mais ninguem.

    By Fabiana on Sep 4, 2011

  18. Oi… Tenho 14 anos apenas, e acho que sofro desse transtorno de personalidade. Costumo dramatizar meus pequenos problemas em casa para que eu seja mais digna de pena, já me cortei com o intuito de chamar a atenção para mim, e constantemente estou exagerando na demonstração de minhas emoções. Se estou triste, hajo como se estivesse depressiva; se estou alegre, hajo como estivesse eufórica e por aí em diante. Minto compulsivamente para meus pais, meus amigos… Todos já se afastaram de mim. Não consigo participar de atividade nenhuma se eu não for a mais importante, já pensei em suicídio muitas vezes, e meus pais não acreditam em mim. Mesmo nesse depoimento eu estou exagerando meus sintomas! Eu preciso de ajuda… Mas ninguém me apóia…

    By M on Sep 6, 2011

  19. gostaria de saber como faço para me tratar de destubio de personalidade eu ja ñ aguento mas to brigando muito com minha esposa tenho raiva frequentemente sem motivos me ajudem por favor

    By cristiane on Oct 5, 2011

  20. Ola Sou Elton Sousa De São Bento-pb Tenho 25 Anos e Sofro de Dupla Personalidade Desde Criança, hoje tenho Uma Esposa e Uma Filha q Não Mora Comigo Devido A Minha Doença, Minha Família esta Afastada, Não Tenho Amigos, Minha Doença De Dupla Personalidade Esta Começando afetar O meu Trabalho, E As Pessoas Ao Meu Redor, Estou Em Uma Crise Muito Forte, E a Cada Dia Piora MAis Preciso De Orientação, Preciso De Ajuda, Pos Estou Só Não Tenho Minha Família Para Me Ajudar, Só Tenho Minha Esposa e Acho Q a Qualquer Momento Ela Tbm Me Abandonara então Se Auguem Estiver Vendo Esta Mensagem, Peço Ajuda Não Sou Louco Só TEnho Uma Doença Sem Cura Mais q Pode Ser Tratada..

    By Elton Sousa on Nov 22, 2011

  21. Oi gente, tenho 28 anos e desenvolvo os sintomas dos histrionicos. As mentiras são o pior de tudo, pois depois de um tempo perco a noção do que é mentira ou realidade e estas são as mais sordidas que minha mente mirabolante consegue inventar. Não sou desprovida de senttimentos e me comovo mto facilmente. Gosto das pessoas de um modo geral, mas fico doente qdo percebo uma certa rejeição ou qdo sou ignorada. Me acho a mais linda, a mais esperta, a mais interessante de todas e sempre achei esses excessos meios doentios…Um dia eu acordo e quero algo masi do que tudo na vida, no outro eu simplesmente não quero mais. Não termino absolutamente nda do que começo e preciso mudar de vida!Que tippo de terapia vcs me recomendam??? Preciso de ajuda! Grata desde já!!!

    By Vannessa on Feb 27, 2012

  22. Eu fui diagnosticada recentemente tendo transtorno de personalidade.tenho 37 anos e casada a 1 ano e meio.tenho 2 filhas q não crio.sou explosiva,agressiva,sarcástica e mt emotiva.resolvi a 1 mês ler mais sobre o assunto e qdo li sobre borderline foi como se estivesse lendo minha auto-biografia.eu maxuco meu marido se ele fizer algo q não gosto ou kero.tudo tem q ser do meu jeito.passei a me medicar após um aborto recente pois ele(marido) não suportou meu estado na gestação e me deixou.acabei abortando e ele namorou por 1 mês 1conhecida.

    By Ioana on Jun 9, 2012

  23. Pra mim akilo foi a morte.mas…ele a largou e ela msm me disse q ele e pama é a mim.com tds meus ímpetos.hj tomo carbam.e riv.mas o q faz realmente efeito é o auto-controle.teve dias de eu kebrar coisas.sair de casa e ele ir me buscar.então. decidi fazer tb minha parte em retribuição .me medico.e começo terapia. em grupo semana q vem.e qdo sinto q akele mal está. aumentando eu dobro meus joelhos e me humilho diante do médico dos médicos e peço ajuda.leio td dia a bíblia.vou na igreja.não. estou curada e piorei demais dpoisdo aborto.foi a destruição. total.mas tenho fé. q vou sair dessa e vc tb tenha!pra Deus NADA é impossível .

    By Ioana on Jun 9, 2012

  24. Ioana,se interne.PECA ajuda,pois essa doenca nao tem cura e a tendência e piorar.Se vc tomar a medicação necessária e fizer uma terapia,vc vai melhorar.Acredite em mim!

    By Karla on Jun 15, 2012

  25. Quando a pessoa fica incomodado quando não é o centro das atenções e usa a aparência física para chamar atenção.

    Me trato , me trato , mas isso resiste a mim e sempre volta , ja fiquei um dia inteiro no psicologo em crise …. Me transformo , me machuco e muito mais aos meus pais , nao quero mais isso pra mim , mas as vezes acho que sofro muita pressao psicologica , penso que tenho atingir um padrao ideologico que meus pais pensam de mim principalmente meu pai e nunca vou conseguir atingilo , quero ser feliz ,

    By Jr on Jan 23, 2013

  26. Olá….tenho esses problemas de personalidade desde a infância….mas como o problemático na casa era sempre meu irmão 5 anos mais velho e eu sempre a boazinha e estudiosa….não era um problema…mas aos 9 anos meus pais se separaram e quando eu fiz 13 anos minha mãe resolveu que mudariamos de cidade. ai tudo começou ou piorou….as mentiras, sempre para eu parecer ser o que eu não era, mais rica, mais esperta, mais vivida, mais importante, com a vida mais maravilhosa e por ai vai…. até que fui saindo da .dolescencia e as mentirasaumentaram com as necessidades…sempre ganhava mais que o real….sempre tinha rios de dinheiro pra receber….fiz mil emprestimos com agiotas….afundei minha mãe e meu irmão….para meu pai eu não prest….uma vez eles resolveram que eu tinha que ir morar com meu pai e a resposta dele foi: sou um homem velho e doente, quero viver o que me resta em paz e vc aqui vai transformar minha vida num inferno maior ainda….faz o seguinte…fingeque eu morri…vc é muito boa nisso de mentir e inventar….vc ja roubou, já mentiu por varias vidas e pra todo mundo…não te quero aqui. tenho uma filha linda e maravilhosa de 6 anos…fruto d

    By paula violeta on Feb 28, 2013

  27. Assim como quase todos q comentaram, eu tbm tenho esse transtorno, e só fui saber hoje! mas sempre soube havia algo errado comigo, e sempre sofri com minhas auto punições, dores, historias q inventava e mantinha pra ter atenção…sempre quis me cortar mas nunca tive coragem…covarde x.x …sempre senti vontade de morrer, pois parece a solução pra tudo…fui no psicologo q não diagnosticou nada, e ainda me disse q eu não tinha nada além de ‘atitudes de criança’ …como posso melhorar sozinha? oq posso fazer pra mudar esse quadro? tem cura?

    By victoria on Apr 15, 2013

  28. Tenho esse transtorno!! andei pesquisando bastante sobre o meu comportamento e queria entender pq preciso inventar tantas historias pra mantes as pessoas perto de mim,ja tentei suicídio,mas fui socorrida e nada alem de uma lavagem estomacal. enfim, e parei pra pensar ,sempre sou a coitadinha,sempre acontece coisas ruim comigo,pq preciso disso? ai vem a vontade de sumir,choros e depois mais historias,que droga não queria ter isso,ai vou la e começo a martelar tudo. me encaixo perfeitamente nesse quadro. ainda não procurei medico,espero ter cura pq ta angustiante.

    By Jessica on May 21, 2013

  29. Caramba, que bom saber que não estou só nesta luta interior e sócio-familiar. Passeis por vários momentos de desespero, meu comportamento com meu filho mais velho ,21,saiu de casa e junto se na casa do sogro. Não aceitei..culpei-me, muito sofrimento, remédios sem soluçao, efeitos colaterais, vários psiquiatras, especialistas, psicólos, várias linhas de terapias, muita tristeza e solidão. perdi companheiro, enfim. Agora me vejo mais aceitável, eu me assí, e meu psiquiatra atual, tido como louco para mim eh um grande estudioso e professor, me estimulou a estudar-me, a entender a origem da minha personalidade associada a bipolaridade..estou feliz, acho que o caminho eh este para conviver e aprender a auto-controlar, conhecer a si próprio, assumir que o inconsciente eh responsável por guardar as memórias mais censuráveis, psicanalise, cognitivo-comportamental psicodrama…todas estas linhas terapêuticas juntas contribuem com nosso problema de saúde mental igual a qualquer outro. Sem preconceitos… A família de sangue são os primeiros a rejeitarem. temos que ser fortes e ter fé em Deus..e continuar a luta…É tb espiritual. Freud tb explica…não desanimem…

    By liliana reis ribeiro on Jun 29, 2013

  30. também vim saber do meu trastorno tarde demais, com isso tive muitos prejuízos cursos que entrava e nunca concluía, mudança de religião, tudo me trouxe depressão e ansiedade, tentei o suicídio e quase morri, hoje faço psicoterapia ,mas mesmo assim a momentos de profunda solidão e carência.

    By simone on Jan 29, 2014

  31. Curiosa como sou, ontem abri a carta que o hospital escreveu para o meu medico de familia. Estive 3 semanas internada, tratando aquilo que pensava ser uma simples depressao. Ontem muita coisa na minha cabeca fez sentido: perdi marido, bens, trabalho, amigos, dinheiro, casa e por pouco… os meus filhos. Sou histriónica, ainda estou a tentar entender que o sou! A primeira reacao foi de espanto e senti-me até ofendida pelo diagnostico… mas a verdade, é que o sou. Ajo muitas vezes sem a nocao que o faco p manipular quem està comigo. Ja tentei suicidio, autoflajelo e estou constantemente depressiva pois afastei de mim todos aqueles que me eram importantes. Sugeriram me terapia de grupo. Nao me parece boa ideia, pois acho que vai agravar a minha “febre” de protagonismo. Sugestoes? Abraço

    By Paula M. on Apr 11, 2014

Post a Comment

Spam protection by WP Captcha-Free