Síndrome de Asperger: Diferença entre crianças com Síndrome de Asperger e crianças com Autismo

A desordem denominada Síndrome de Asperger é um termo para um tipo específico de transtorno invasivo do desenvolvimento que se caracteriza por problemas no desenvolvimento de habilidades sociais e de comportamento.

Veja teste para descobrir se tem Síndrome de Asperger

Veja teste para autismo

Veja teste de personalidade

Veja teste psicológicos

Veja teste de psicologia 

 

No passado, muitas crianças com Síndrome de Asperger ou Transtorno de Asperger foram diagnosticados como tendo autismo, que é outro dos transtorno invasivo do desenvolvimento, ou ainda com outros transtornos mentais.

 

Embora o autismo e Asperger tenha certas semelhanças, também existem diferenças importantes.

 

Por esta razão, as crianças suspeitas de terem estas condições exigem uma avaliação cuidadosa.Em geral, uma criança com Síndrome de Asperger apresenta funções a um nível mais elevado do que a típica criança com autismo.

 

 

 

Por exemplo, muitas crianças com Síndrome de Asperger têm inteligência normal, enquanto a maioria das crianças com autismo não desenvolvem linguagem completa ou apresenta atrasos de linguagem acentuadas.

 

As crianças com distúrbio de Asperger estão geralmente usando palavras desde a idade dos dois anos, embora o seu discurso padrão possa ser um pouco estranho.A maioria das crianças com Síndrome de Asperger têm dificuldade na interação com seus pares. Eles tendem a ser mais solitários e podem exibir comportamentos excêntricos.

 

 

 

Uma criança Asperger, por exemplo, podem passar horas por dia preocupada contando carros passando na rua ou ver apenas um canal de televisão o dia todo.

 

Crianças com Asperger apresentam dificuldades motoras e são comuns atrasos psicomotores. Estas crianças muitas vezes têm necessidades educativas especiais.Embora a causa da Síndrome de Asperger ainda não é totalmente conhecida, as pesquisas atuais sugerem que existe uma tendência a condição de ordem genética.

 

 

 

As crianças com Asperger também apresentam riscos de outros problemas psiquiátricos, incluindo depressão, déficit de atenção, esquizofrenia e transtorno obsessivo-compulsivo.O tratamento para Síndrome de Asperger envolve o trabalho também com as famílias para conceber programas tratamento adequado e eficaz.

 

 

 

Atualmente, o tratamento mais eficaz envolve uma combinação de psicoterapia cognitiva comportamental, educação especial, técnicas de modificação do comportamento, e apoio às famílias.

 

Algumas crianças com Síndrome de Asperger também se beneficiam de tratamento medicamentoso com uso de remédios para controle dos impulsos e da ansiedade.

 
O resultado para as crianças com Asperger é geralmente mais promissor do que para crianças que sofrem com o Autismo.

 

Devido ao seu elevado nível de funcionamento intelectual, muitas destas crianças têm sucesso em terminar o colegial e freqüentar faculdade.

 

Embora sempre apresentem problemas com interação social e de sensibilização que vão persistir, eles também podem desenvolver relações duradouras com a família e os amigos.

 

Veja mais sobre Síndrome de Asperger, Tratamento para Síndrome de Asperger, Autismo, Comportamentos do Asperger, acesse estas categorias no site ou clique nos links desta página.

Post a Comment

Spam protection by WP Captcha-Free