Distúrbios do Sono e Esquizofrenia – Transtornos do sono e Esquizofrenia

Embora os distúrbios do sono em esquizofrenia sejam suficientemente severos para garantir atenção clínica, eles raramente são a queixa predominante das pessoas que apresentam dificuldades de dormir e que sofrem de problemas psiquiátricos.

 

Em estado de agitação psicótica há períodos prolongados de total falta de sono; quando a agitação melhora, uma insônia expressiva tem lugar.

 

 relatos de quase total reversão do ciclo vigília-sono, com o paciente dormindo durante o dia e ficando acordado durante a noite.

 

A insônia severa também é descrita em exacerbações do quadro esquizofrênico e pode preceder o aparecimento de outros sintomas por ocasião de recaídas.

 

Os pacientes esquizofrênicos podem vivenciar alucinações hipnagógicas aterrorizantes e pesadelos.

 

Podem ter vários distúrbios primários de sono associados, como higiene de sono inadequada e aumento de movimentos periódicos de membros inferiores.

 

 

A comorbidade com a apnéia do sono, quando existe, pode agravar os sintomas esquizofrênicos.

 

Existem vários estudos relacionando esquizofrenia e os achados polissonográficos, como veremos a seguir.

 

Com referência ao sono de ondas lentas, parece haver uma relação inversa entre a quantidade deste e a manutenção do sono.

 

Veja mais sobre distúrbios do sono, sobre esquizofrenia, sobre transtornos psicológicos, transtornos psiquiátricos, sobre transtornos do sono, sonolência excessiva, acesse estas categorias no site ou clique nos links desta página.

Post a Comment

Spam protection by WP Captcha-Free